Links do Ocioso, agregador de conteúdo

terça-feira, dezembro 30, 2008

Abram Alas para 2.009

Com a virada do ano chegando, as supertições vêm à tona com toda força: comer lentilha, não ingerir caranguejo, guardar uma folha de louro na carteira o ano inteiro... cada um tem a sua. As pessoas fazem porque acreditam intimamente que vai funcionar. Mas mais que amuletos ou objetos milagrosos, o mais importante é a consciência e o uso de todas as suas capacidades neste ano que se insinua, mesmo que você seja o único a crer nelas. Confira o vídeo abaixo e tenha um Feliz Ano Novo:

Fonte: http://www.velhosamigos.com.br/DatasEspeciais/diareveillon3.html
Vídeo: [Formatação] Surpresas Animais; [Autor] Desconhecido

quarta-feira, dezembro 17, 2008

[ADOÇÃO] Celebrity Deathmatch: Obama vs Bush

A disputa está acirrada entre Obama e Bush, Barney (nome este idêntico ao do mascote do ex-presidente, o que valeu esta brincadeira) os dois cachorrinhos mais famosos da FAPA - Feira Animais Precisam Ajuda. Quem sair na frente, colhe os louros da vitória e ganha donos e um lar novinhos em folha. O que ficar por último vai conhecer o dissabor de perder uma batalha, o que, nesse caso, não representa grande demérito, já que ambos são premiados. Confira os pormenores dos competidores no vídeo abaixo.

Celebrity Deathmatch

Vídeo: Surpresas Animais
Fotos: Padrinhos dos envolvidos na contenda

sábado, dezembro 13, 2008

Cacatua fã de Backstreet Boys

O vídeo a seguir tem uma música de fundo daquelas que ficam impregnadas na nossa cabeça. Seu título é "Everybody" e o grupo que a entoa é o Backstreet Boys, uma antiga e famosa boy band. Esse tipo de grupo é formado por de três a seis cantores homens que interpretam canções pop e dançam. Sua gênese é simples: um enlatado criado por produtores cujas exigências são, nesta ordem, boa aparência, talento dançante e capacidade vocal.
São tão efetivas que conquistam as jovens adolescentes e também cativam os animais. Como aconteceu com Snowball, bola de neve, uma cacatua de uma instituição americana que abriga aves abandonadas. Ela simplesmente não conseguia parar de erguer e descer os pés, abrir o leque da crista e remexer o corpo. O agradecimento final é menos moderno, em estilo oriental, baixando e levantando a cabeça várias vezes.

Fontes: http://pt.wikipedia.org/wiki/Cacatua; http://pt.wikipedia.org/wiki/Boy_band; http://pt.wikipedia.org/wiki/Backstreet_Boys#Refer.C3.AAncias; http://www.youtube.com/watch?v=9vVEOg6RDoM; http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u58980.shtml; http://letras.terra.com.br/backstreet-boys/165570/
Vídeo: "Bird Lovers Only Rescue"

quarta-feira, dezembro 10, 2008

Irmão mais velho com ciúmes...

Estudos recentes apontam que os irmãos, pelo contato estreio e convivência contínua, ocupam papel importante na formação recíproca da personalidade e escolha da profissão. Um serve ou como modelo para o outro, ou como referência de distanciamento.
Como somos parentes próximos dos chimpanzés, com 99% dos genes em comum, era natural de se esperar aproximações entre os comportamentos desses animais. O que ninguém esperava era que os irmãos simiescos mais velhos apresentassem atitudes tão idênticas às dos nossos. Confira o impressionante flagra.


Vídeo: Algum irmão mais velho se identificando com a cena

Gato vs copiadora

A Biosfera, de acordo com a Ecologia, engloba todos os ecossistemas da Terra. O homem é apenas um dos organismos deste emaranhado de seres. As modificações provenientes da ação humana na natureza, de um modo geral, é nomeada Tecnosfera. Trata-se de uma camada tecnológica resultante de sua intervenção na litosfera, atmosfera, hidrosfera e biosfera. A plantação de lavouras é um exemplo desse conceito.
Com todas essas particularidades de nosso conjunto de instituições sócio-político-econômico-culturais, imaginem a cabeça deste gatinho ao se deparar com uma copiadora. É um elemento totalmente alheio ao seu mundo, nada tem a ver com seu mundo natural. A tentativa de interação entre o animal e o aparelho mostrada neste vídeo é engraçadíssima.

Vídeo: Algum sociólogo de plantão

Segunda e Sexta-feira

Separados por apenas três dias, o primeiro dia útil da semana e o penúltimo imprimem diferenças visíveis de comportamento nos trabalhadores. Algum sociólogo de plantão montou este vídeo baseado em cenas engraçadíssimas do mundo animal.

Vídeo: Algum sociólogo de plantão

segunda-feira, dezembro 08, 2008

[ADOÇÃO] Nina tem gana

Conheça Nina, esta cachorrinha que, apesar de ter passado por poucas e boas, consegue manter toda sua jovialidade, expressividade e simpatia. Com apenas dois anos já conhece bem o gosto amargo do abandono e da indiferença.

Vídeo: Surpresas Animais
Fotos: Atuais donos da cadelinha

Contato:
Cecilia

animaisprecisamajuda@uol.com.br

sábado, novembro 29, 2008

[ADOÇÃO] Amarela e saudável...

Uma cor que, segundo a Psicologia das Cores, é a mais clara e a que mais se aproxima da tonalidade solar. Carregada do sentimento de esperança, reveste-se de uma aura de resplendor, brilho e alegria. Trata-se da amarela.
Acaso ou não, esta cachorrinha possui todos esses atributos e nome igual. Apresento-lhes a Amarela.

[ADOÇÃO] Amarela e saudável...

A Amarela, esperança, chega de trenó para o seu Natal (Clique sobre a imagem para ampliá-la)

Ela tem sete meses, já está castrada e vacinada. Melhor presente de Natal, impossível!

Contatos:
Lucila Borghi Gandur Trautvein
lucila.trautvein@uol.com.br


Fonte: http://www.tci.art.br/cor/efeito.htm
Foto: Lucila Borghi Gandur Trautvein, com estilização de Surpresas Animais.

[ADOÇÃO] Desfile de cachorros...

Segue um vídeo que é um verdadeiro desfile dos animais que estão participando da Feira Animais Precisam Ajuda (FAPA), em São Paulo, na Vila Mariana. Dê um clique e escolha o seu próximo cachorrinho!

Vídeo: FAPA

Contato:
Cecília
animaisprecisamajuda@uol.com.br

[ADOÇÃO] Porque somos gatos...

Eles são pequenos e afetuosos e têm uma história longa com os humanos, os gatos domésticos. São caçadores natos com características específicas: olhos dirigidos para frente, sentidos aguçados e andar silencioso, além de um corpo flexível e garras e dentes afiados; qualidades que seduziram-nos naturalmente.
Faz tempo que eles coabitam o lar dos humanos. A domesticação do gato se deu por volta de
3 mil a.C. nos grandes campos de cultivo do império do Egito antigo, período em que o homem começou a armazenar sua colheita. Tinham serventia no controle à população de ratos que arruinava boa parte dos grãos. Devido à sua efetividade no combate à esses pequenos roedores, continuaram, no decorrer dos tempos, a serem utilizados pelos gregos e romanos.
O relacionamento entre ambos ficou conturbado por volta do séc. XIII, quando os felinos, associados aos cultos pagãos e à feitiçaria na Europa foram sacrificados aos montes, sendo taxados como "animais do inferno". Somente 500 anos depois, os gatos recuperaram seu prestígio, servindo inclusive de inspiração para poetas, pintores e escritores.
Nos dias atuais, o apego entre a população e os gatos é explicada por três fatores:
a) Simbolizam a beleza e a sedução;
b) Personificam valores como independência, personalidade e naturalidade;
c) Casam com o estilo de vida moderno: as pessoas têm pouco espaço e tempo, o que faz do gato uma companhia perfeita devido ao seu tamanho diminuto, autonomia e limpeza.
Um famoso personagem das tiras de desenho que é a identidade viva dessas características atuais do animal é Garfield. Em cada uma das suas aparições nos jornais havia uma ironia direta às pessoas que transformam os animais de estimação em "donos da casa". Para ser ainda mais contundente, o gato anda em duas patas e enfrenta problemas humanos (dieta, tédio, aversão às segundas-feiras etc). Confira abaixo um trecho do filme "Garfield 2 - Sua Majestade Está de Volta" (80 min - EUA, 2.006).


Se você quer uma companhia com algumas das características positivas citadas, afastando, é claro, qualquer possibilidade de se ter um Garfield em casa, temos muitos gatos, jovens e adultos, todos castrados, vermifugados e vacinados aguardando pela sua simpática companhia.

Fontes:http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/bitstream/1843/SAGF-6Y9K4T/1/disserta__o_silvia_dias.pdf; http://pt.wikipedia.org/wiki/Garfield
Vídeo: "Garfiel 2 - Sua Majestade Está de Volta" (80 min - EUA, 2.006)

[ADOÇÃO] Adote o Palíndromo...

Um cãozinho que tem um nome aparentemente comum e, ao mesmo tempo, complexo. Peraí, perdi o fio da meada. Como é que pode? Sim, seu nome é Bob. Curto, breve, rápido, conciso e... um Palíndromo. Esse palavrão esquisito, neste caso, contempla um termo que tem o mesmo sentido quando lido da esquerda para a direita e vice-versa. Por guardarem essas características singulares são facéis de memorizar, sendo amplamente utilizados na literatura e na publicidade. Lembre-se desse nome porque o recebedor dele já foi esquecido, abandonado em frente a um prédio. Acolhido por uma senhora que já tem outros sete cachorros para criar, aguarda um novo lar. Ele tem por volta de cinco anos. Como podem ver, ele é charmoso e curioso. Tem um olhar bastante profundo e brilhante e anda com leveza. Confiram o videoclipe abaixo:

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_pal%C3%ADndromos

Vídeo:Feira Animais Precisam Ajuda (FAPA)

quinta-feira, novembro 13, 2008

De cara com a verdade...

Não raro, as pessoas reclamam de suas vidas. "Tudo anda tão difícil", " O que vai ser dessa menina", "O meu relacionamento anda de mau a pior", toda essa ladainha passada e repassada de boca em boca no dia-a-dia. Alguns chegam a invejar o seu gato doméstico cujo cotidiano é tranqüilo, só passeia, dorme, come, não tem preocupação alguma.
Veja este vídeo e elabore melhor seus pensamentos. Na natureza, vale a força bruta, não há cultura e nem medicina; vale o determinismo: nasceu assim, vai morrer desse jeito. Imaginem como esse babuíno não daria todo o seu estoque de vegetais, frutos e sementes por uma cirurgia plástica bem realizada.


Vídeo: Internet

terça-feira, novembro 11, 2008

Não pense em um urso branco...

"Diga às pessoas para não pensarem em um urso branco por cinco minutos e acontecerá de elas não conseguirem tirá-los de suas cabeças", comprovava um famoso experimento da década de 80 do psicólogo David J. Schneider. O estudo sugere que tentativas de supressão do pensamento têm efeitos contrários como estratégia de auto-controle, talvez até produzindo uma preocupação maior com o tema em questão.
Então pense nele e veja-o mergulhado em mensagens boas para 2.009. Confira o vídeo abaixo:


Fontes: http://pt.lostpedia.com/wiki/Os_Irm%C3%A3os_Karamazov; http://www.rice.edu/sallyport/2004/spring/whoswho/whitebear.html;
http://en.wikipedia.org/wiki/David_J._Schneider

sábado, novembro 08, 2008

Palmeiras, do periquito ao porco...

Os mais jovens nunca entenderam muito bem porque a torcida do Palmeiras resolveu adotar um mascote extra-oficial. O Periquito, escolhido devido à sua coloração e também porque muitas dessas aves faziam seus ninhos na região onde o clube está localizado, perdeu a vez para o Porco, denominação que surgiu meio por acaso, na década de 80, como um insulto das torcidas rivais.

Nos anos 90, com as sucessivas vitórias houve uma associação entre a maré de bons resultados e o estigma do bicho que vieram ao encontro dos anseios dos torcedores por um mascote mais moderno. Ao assistir este vídeo, podemos agregar mais valor à essa escolha: o porco é muito esperto. "Dá-lhe Slinger! Dá-lhe Porco!"


Fontes: http://www.canalpalmeiras.com.br/?a=palmeiras&b=mascotes; http://www.palmeiras.com.br/historia/mascote.asp

Vídeo: Internet

sexta-feira, novembro 07, 2008

[DOAÇÃO] Que tal dar um brilho em sua vida?

Duas fêmeas Sem Raça Definida (SRD) pretas já estavam com destino certo: o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da Prefeitura de São Paulo. Mas uma senhora resolveu acolhê-las... temporariamente, haja vista que ela já tem três gatos e cinco cachorros que dão bastante trabalho.
São duas irmãs, glitter e purpurina, com aproximadamente dois meses e de porte médio. Apesar do nome, não gostam de fazer arte, não. São brincalhonas e vigilantes, além de estarem acostumadas com gatos. Serão entregues vacinadas e castradas ou com vale castração.
Contato:
Luna
11 8275-9158/ 3467-0010

sexta-feira, outubro 31, 2008

Halloween: eles estão endiabrados!

Hoje é feriado no epicentro da crise econômica mundial, Estados Unidos da América, é dia de Halloween. É verdade que lá a bruxa anda solta há mais de mês, todavia o Dia das Bruxas oficial é 31 de outubro. A comemoração engloba histórias arrepiantes, fantasias especiais e brincadeiras macabras (o mais próximo que temos disso, aqui no Brasil, é o "Noites do Terror" do Playcenter que acontece anualmente em agosto). Os comerciantes norte-americanos riem à toa, o volume de vendas é alto, o segundo maior do ano, perdendo apenas para o Natal. As estimativas de consumo giram em torno de US$ 2,5 milhões em fantasias, presentes e acessórios.


Dia das Bruxas extraído do filme "E.T. - O Extraterrestre "(1982 - 115 min)

Esse breve desarranjo no modo de vida do norte-americano é tão envolvente e contagiante que até os melhores amigos dos fantasiados ficam endiabrados. Confira no vídeo abaixo:

Fontes: http://www.terra.com.br/cgi-bin/index_frame/criancas/halloween/capa.htm; http://pessoas.hsw.uol.com.br/halloween.htm
Vídeo: Internet

quinta-feira, outubro 30, 2008

Filhote de gato é... coelho

No distante distrito de Rotherham, condado de South Yorkshire, Inglaterra, uma coelhinha acizentada e felpuda chama a atenção da vizinhança. Foi vista em meio a gatos de pelagem amarela clara? O que esta intrusa estaria fazendo lá? Desvendar este mistério não é fácil, trabalho para Mr. Monk talvez, mas vamos lá.
A pequena coelhinha Bubbles, bolhas em inglês, ficou orfã muito precocemente, com uma semana de vida apenas. Triste, sem carinho, amor materno e orientação para a vida, poderia morrer logo, vítima de si mesma, ao instintivamente tentar descobrir o novo mundo que se inclinava a ela. Seria uma dessas histórias tristes e comuns, um desses desamparos rotineiros que ninguém fica sabendo.
Felizmente, ela encontrou Snaggle Puss, massa enrolada em inglês, uma felina, mãe recente que aceitou o desafio de criar uma coelha. O entrosamento com os filhotes de Snaggle Puss é perfeito e a gata tem um chamego particular pela filhote adotiva. Gosta dela bem juntinha de si.
Confira o vídeo abaixo:



Fonte: http://es.wikipedia.org/wiki/Rotherham
Vídeo: Diagonal View

quarta-feira, outubro 29, 2008

[DOAÇÃO] Das dificuldades de um abrigo

Tristeza mútua é o que se observa nos abrigos de animais. Tanto por parte dos responsáveis pela entidade como dos inquilinos bichinhos. Como acontece em uma loja de "shopping", muitos passam por lá, olham, dão umas voltinhas com o cachorrinho ou gatinho, mas na hora de assumir o compromisso da adoção, sempre há uma desculpa na ponta da língua. É comum se ouvir os dizeres: "É lindo, muito fofo, mas, por hora, não posso ficar com ele!".
E a estadia do animalzinho se prolonga. Animais perdidos ou indesejados por seus donos são hospedados e tratados em abrigos durante um certo período. Somente cerca de metade dos animais que lá entram retorna a seus donos originais ou encontra um novo lar.

Trecho do desenho da Disney "A Dama e o Vagabundo" em que aparecem cachorrinhos muito tristes sob custódia da prefeitura

E essa sobrevida que os animais recebem é onerosa (os tempos são bicudos). Há um grande sacrifício financeiro e emocional. Apelamos aos nobres de coração que dispõem de um pouco mais de recursos para que nos doem urgentemente rações de cães e de gatos, remédios e cobertores. Qualquer ajuda de material para esses animais parcialmente desamparados é bem-vinda.

Fontes: http://pessoas.hsw.uol.com.br/abrigo-de-animais.htm
Vídeo: "A Dama e o Vagabundo" (Lady and the Tramp, 1.955)

Contato:
Cecília
Animais Precisam Ajuda
animaisprecisamajuda@uol.com.br

terça-feira, outubro 28, 2008

[ADOÇÃO] Éramos sete...

Há cerca de três meses, uma cadelinha deu cria a sete cachorrinhos, veja http://surpresasanimais.blogspot.com/2008/09/com-todo-esse-charme-e-elegncia-com.html, três já estão de lar novo, os demais estão aguardando sua visita. São três machos e uma fêmea bem variados, para agradar a todos os gostos, há o preto inteiro, o amarrozando de olhos azuis e os dois com predominância do preto, mas com as extremidades e entorno dos olhos e focinho em bege.
Eles têm tudo e, ao mesmo tempo, nada: simpatia, docilidade, perspicácia, agilidade e carisma, predicados que todo dono espera de um cãozinho, todavia estão sem vínculos fortes com um humano, a necessidade mais importante de um filhotinho que está descobrindo o mundo. Estão vacinados, vermifugado e castrados. Não crescerão muito, atingirão o tamanho de um Cocker Spaniel Inglês, de médio porte (A altura da raça é, em média, de 40 cm na altura da cernelha para os machos, e de 38 para as fêmeas).
Confira o videoclipe dos pequenos:




Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Cocker_Spaniel_Ingl%C3%AAs
Fotos : Animais Precisam Ajuda (Cecilia)

Contatos:
Cecilia
Animais Precisam Ajuda
animaisprecisamajuda@uol.com.br

terça-feira, outubro 21, 2008

[ADOTADO] Meu reino por um lar...

JÁ FOI ADOTADO. GRATO PELO INTERESSE!

Era uma vez um Príncipe muito bonito, que não tinha princesa, súditos, cetro, reino, nada. Quer mudar o começo e o fim dessa história? Eu quero.

Conheça o Príncipe. Ele precisa urgentemente de um lar. Ele é SRD (Sem Raça Definida), com dois meses de vida. O felizardo que adotá-lo, não terá muitas preocupações com veterinário, pois ele já está vermifugado e vacinado.
Contatos:
Cecilia
Animais Precisam Ajuda

sábado, outubro 18, 2008

Amizade no reino animal

As pessoas ficam abismadas ao presenciar cenas de solidariedade no mundo animal. Será que isso é admiração ou inveja, uma vez que o individualismo extremado já estaria arraigado em nossa cultura? Veja o bem-querer desses dois cãezinhos.

No meio do tráfego pesado, um cachorro tenta tirar o amigo do meio da avenida. Sua preocupação com o morto era tanta que não permitia que nenhum humano se aproximasse deles, rosnando e afugentando-os.
Colocando sua própria vida em risco, ele permaneceu firme lá, não medindo esforços, objetivando salvar a vida de seu parceiro.
Cansado, permanecia lá, inerte, vigiando aquele corpinho sem vida.
Tanta lealdade chamou a atenção dos passantes que registraram aquela cena triste e, ao mesmo tempo, bonita da forma que puderam, valia até celular.

Choro por ti

O bebê está deitado no chão ao lado do cachorro da casa. Tudo parecer estar ótimo, mas, de repente, ele solta a garganta no seu "hobbie" favorito, o choro". O pai já se preparava para atuar, mas, subitamente, o cão começou a chorar também. O resultado foi uma orquestra de choro, com direito a pausas e duos.



Vídeo: Internet

Venha cá minha gata...

Casais que estão em crise têm brigas freqüentes. O sujeito fala de maneira atravessada para sua parceira e recebe o troco, é claro: "Seu bruto, você é um animal mesmo!". Ele faz a tréplica e a briga vai longe. Saiba que essa qualificação que sua esposa lhe deu, não é de toda ruim. Veja quanto amor há entre esses dois gatos.



Vídeo: Internet

Energia pra cachorro...

Os cachorros possuem um vigor físico esplêndido que normalmente é bem administrado por seus donos. Eventualmente podem acontecer acidentes. Confira este vídeo para lá de engraçado. Seu desfecho é nota dez.

Vídeo: Internet

sexta-feira, outubro 17, 2008

Entenda o que é o Botox®

Você tem aquele seu amigo "coroa", mas que está com tudo em cima. O rosto dele está lisinho, não há pés-de-galinha ou rugas marcantes. O segredo dele e de muitos outras pessoas de meia-idade pode ser o difundido Botox®. Tanto o Dysport® quanto o Botox® são ambos nomes comerciais da Toxina Botulínica tipo A, um potente paralisante muscular. A Toxina Botulínica impede a transmissão do impulso elétrico entre o nervo e o músculo (bloqueando a liberação de acetilcolina). Com isso o músculo é paralisado. A utilização da Toxina Botulínica no campo da estética deve-se ao fato de que as rugas dinâmicas da face (pés de galinha, rugas da testa ou entre as sobrancelhas) são devidas à contração muscular. Logo, se paralisados os músculos que as produzem, não haverá mais formação de rugas! É nestes músculos específicos que o cirurgião plástico aplica a Toxina Botulínica, através de uma injeção de agulha extremamente fina. A aplicação é rápida (cinco minutos) e pouco dolorosa. A paralisação muscular ocorre após 48 horas, se mantém em média por seis meses e não deixa o paciente sem expressão facial. A volta da ação muscular, e portanto das rugas, ocorre devido à reinervação do músculo. Momento indicado para nova aplicação. Entre as poucas contra-indicações estão doenças neurológicas, alergia ao produto, gravidez e o uso de alguns antibióticos específicos. Por ser de aplicação rápida, proporcionar grande atenuação das rugas dinâmicas com resultados quase que imediatos, a Toxina Botulínica é amiga do rosto e do bolso, de pessoas de meia-idade e de cirurgiões plásticos, respectivamente.
Ainda não compreendeu? Vamos usar um exemplo prático.

Pronto. Elucidamos o tema.


Foto: Internet

sábado, outubro 11, 2008

Um amigo cão é para toda a vida... dele

Se você tem um cão e é apegado a ele, provavelmente fica intrigado com a fidelidade do animal. Você retorna para casa diariamente e quem sempre faz questão de te receber primeiro, ele. Se você adormece no sofá, quem vem te fazer companhia, o próprio (e enche a sua camisa e calça de pelos). Esse apego todo é explicado pelo fato de que o cachorro é um animal social que costuma aceitar seu dono como o "chefe da matilha".
Tal constatação científica, por si só, já é um bom motivo para esta boa sintonia entre homem e cão. Alie a isto as características inerentes da espécie: primorosos olfato e audição, ótimas capacidades de corrida e caça, excelente capacidade de aprendizado, relativa docilidade, valores esses que possibilitam o seu adestramento. Temos o cão pastor, o cão de guarda, o cão-guia e o mais comum, o cão de companhia.
É uma relação que tem tudo para dar certo. Mas, com uma certa freqüência, ela se desmancha. O dono abandona o animal, que volta ao estado de seus ancestrais, sobrevivendo do que consegue arrumar por aí, em um ambiente completamente diferente do que se encontravam aqueles. É como largar uma criança à sua sorte na rua.
Para evitar esse panorama trágico, a União Zoófila criou uma propaganda que desestimula o abandono de animais e que corrobora para a reflexão de idéias acerca do tema.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/C%C3%A3o
Vídeo: União Zoófila

segunda-feira, outubro 06, 2008

Ligre, mestiço de leão com tigresa

  O ligre, ou liger, do inglês, é um híbrido entre um leão e uma tigresa. Dessa mistura confusa e pitoresca, surge um animal que se assemelha mais ao pai, porém dotado das listras de tigre da mãe. É o maior felino do mundo, podendo atingir até 3 m de comprimento. Acredita-se que seu tamanho privilegiado é resultante da ausência de genes inibidores do crescimento (nos leões é uma herança materna e nos tigres, vice-versa). Aos três anos de idade, ele pesa meia tonelada (metade do peso de um automóvel gol). Com essa massa toda, devoram 9 kg de carne e de frango por dia, porém são capazes de comer até 45 kg em uma única refeição.
  Entre suas habilidades, estão a capacidade de nadar, herança genética materna somente, e a agilidade proveniente de ambos os progenitores, ligres podem desenvolver uma velocidade média de 80 km/h.
Ligres são aberrações, pois sua ocorrência é praticamente impossível, uma vez que a maioria dos leões está na África e grande parte dos tigres está na Ásia. Sua existência é um acaso. Pelo menos é o que alegam os diretores dos institutos e zoológicos que abrigam esses animais.
  No zoológico "Arca de Noé", na cidade de Gritz, na Alemanha, dois ligres despertam a atenção dos passantes. Veja o vídeo abaixo:


Fonte: http://www.floraisecia.com.br/artigos/ppt/liger._liger__o_bichinho_de_estimaao.pps
Vídeo: BBC News Brasil

domingo, outubro 05, 2008

Dupla dinâmica

Crianças e cachorros, uma parceria que pode dar certo. Os cães instintivamente tendem a proteger os filhotes de sua matilha, menores e mais desprotegidos. Como as crianças são os "filhotes dos humanos", elas serão o alvo de vigilância destes animais.
Há casos de plena harmonia. Veja as fotos que se seguem:








Fonte: http://www.dogtimes.com.br/caesecriancas.htm

Fotos: Internet

Orangotango carente

A moça achou o orangotango uma gracinha, "simplesmente uma fofura" e decidiu fazer-lhe um cafuné, mas ele estava carente

.

[DOAÇÃO] Filhotes mestiços de poodle

Vocês não acham a miscigenação fascinante? Do cruzamento de um pequeno cão da raça poodle e de uma cadela SRD (Sem Raça Definida) resultaram lindos filhotinhos. Temos aqui na capital de São Paulo, três deles prontinhos para adoção, com cerca de dois meses de vida. Não se preocupe, todas as providências já foram tomadas: vermifugados, vacinados e serão entregues já castrados.
Como eles são muito tímidos e ariscos, não temos fotos deles. Encontrei na internet, uma foto de um filhotinho similar aos bichinhos.


















Contatos:
Cecilia
Animais Precisam Ajuda

quinta-feira, outubro 02, 2008

[DOAÇÃO] Um casalzinho que vai dar o que falar

Estes dois já estão reclamando o título de rei e de rainha da feirinha de 4 de outubro (FEIRA DE DOAÇÃO DE CÃES E GATOS, sábado próximo, das 10h30 às 17h, AV. CONS. RODRIGUES ALVES, 523 - VILA MARIANA). Vamos conhecê-los:

Primeiro, a dama:

A Sophia tem aproximadamente dois anos idade e um tamanho médio¹. É dócil e vigilante. Castrada e com todas as vacinas em dia (V10, raiva).

Depois, o cavalheiro:
O Lord é um mestiço de labrador, com a mesma idade de Sophia, de tamanho médio também. Dócil, esperto e vigilante. Castrado, com todas as vacinas em ordem (V10, raiva).

Os predicados do casal:
Estão acostumados com pessoas, crianças e gatos. São ótimos cães de guarda. Eles precisam de um espaço enorme do seu coração e de um espaço médio no ambiente do dono.



1. Tamanho médio (De 15 a 30 kg)

terça-feira, setembro 30, 2008

[DOAÇÃO] Com todo esse charme e elegância, com certeza, vão conquistá-la.

Aqui vai uma dica. São sete, pequeninos e fazem uma confusão juntos. Se você achou que era uma charada e chutou "sete anões", sinto muito, mas errou. São vários filhotes de uma cria, com cerca de dois meses de vida e precisando do carinho de donos atenciosos como você. Se achar que é exagero e quiser conferir, eles estarão se exibindo na:
FEIRA DE DOAÇÃO DE CÃES E GATOS
4 de outubro de 2.008 (sábado), das 10:30 às 17:00 horas
Av. Cons. Rodrigues Alves, 523 - Vila Mariana
(Próx. à estação Ana Rosa do Metrô e ao Detran, nas imediações do Parque Ibirapuera)
Seguem as fotos dos "metidinhos". Há tanto amarronzados como pretos:
No seio da família


Recebendo atenção exclusiva

Papai do Céu, ajude a meu dono e a mim

Para a surpresa de muitos, apresento um cachorro que, todas as noites, antes de dormir, ora juntamente com seu dono. Abençoados sejam o menino e seu cãozinho!

terça-feira, setembro 23, 2008

Voto Certo: Cacareco - 59.900

Em 4 de outubro de 1.959, os paulistanos, já desanimados em meio a candidaturas para lá de caricatas, elegeram o rinoceronte Cacareco, com margem folgada de cerca de 90 mil votos. Esse número expressivo demonstrava que a população já estava farta de políticos sem propostas e que se apresentavam de forma cômica, como o obeso de 230 kg que ostentava o slogan político "O candidato que vale o quanto pesa" ou aquele outro que andava acompanhado de uma onça, brandindo aos quatro ventos que "Eleitor inteligente vota no amigo da onça".
Esse cenário "nonsense" foi desencadeado por uma brincadeira de uma das mentes inquietas do final da década de 50, o jornalista Itaboraí Martins, na época jornalista de "O Estado de S. Paulo" e da rádio "Eldorado". Ele, arrefecido em seu direito maior de exercer a sua cidadania, comentou jocosamente com os amigos que votaria no paquiderme. Aquela declaração tocou fundo nos demais companheiros que começaram a cogitar a idéia. Diante da adesão gigantesca, ele e os compadres saíram pichando pela cidade os dizeres "Cacareco para Vereador", o que logo ganhou a atenção da mídia e da população local.
As autoridades tentaram, três dias antes das eleições, frustar a intenção dos fiéis apoiadores do quadrúpede de chifres, afastando-o da cidade e embarcando-o em um caminhão de volta ao Rio. Tal estratagema só confirmou a força política do animal que, segundo testemunhos de quem acompanhou as eleições e estimativas feitas por jornalistas, uma vez que aqueles votos nulos de protesto ficavam de fora das estatísticas oficiais, recebeu exagerados 90 mil "x" dos eleitores. O episódio ganhou destaque na revista "Times", que destacou a justificativa de um dos votantes: "É melhor eleger um rinoceronte do que um asno".
O mais engraçado é que Cacareco, que ostentava sua corpulenta massa de 900 kg, filho de Britador e Teresinha, cujo nome advinha do fato de ser feio e desengonçado quando filhote, era despido de pretensões políticas. Caiu de pára-quedas em São Paulo, por meio de um empréstimo do Zoológico do Rio de Janeiro para participar da inauguração do Zoológio de São Paulo, em março de 1.958.

sábado, setembro 20, 2008

Choro sem lágrimas...

Demonstrações de carinho entre espécimes animais, em tempos de individualismo humano extremado, reelabora e dá nova cor ao nosso conceito de sociedade. O exemplo, neste caso, vem dos pássaros, que se destacam, normalmente, pela beleza de seu canto e de seu vôo.

O destoante
Em uma praça japonesa, um fotógrafo notou um pássaro morto no chão, a causa mortis, no entanto, era desconhecida.

O peculiar Dentro em pouco, uma outra ave se aproxima do falecido e clama pelo seu par morto. Permaneceu, segundo relato do próprio fotógrafo, por um bom tempo junto ao companheiro, inconformado. Dava pouca importância aos passantes, superando seu próprio medo.

O desesperoEm um momento de puro impulso, o pássaro voa até o falecido e pousa, impactando-o, como querendo acordá-lo daquele sono profundo.

O inconformismoPercebendo que seu esforço era em vão, o pássaro lança um olhar de lamento para o corpo do companheiro.

O bando presta sua homenagem
O bando todo, com dezenas de aves, segundo relato de testemunhas, liderados pelo mais triste deles, faz uma revoada próxima ao companheiro morto antes de seguir seu rumo.

Uma última tentativa
O líder do bando, transtornado ainda, desvia seu curso de vôo e retorna àquele fatídico ponto na rua e tenta, com todas as suas forças, trazer o companheiro de volta à vida, piando alto e forte juntinho deste, para assim, poder despedir-se de vez.

Equilíbrio sempre...

"Às vezes, quando se está furioso com alguém, sentar e pensar sobre o problema pode ajudar bastante!"

quarta-feira, setembro 10, 2008

Sai Mai e os tigrinhos

Tal qual ocorre na ficção com o desenho "Mogli, o Menino Lobo", um garoto criado por lobos, e no romance "Tarzan of the Apes" (1.912), do escritor norte-americano Edgar Rice Burroughs, no qual um filho de ingleses é criado por macacos "mangani" na África, depois da morte de seus pais, a tigresa de bengala Sai Mai, de seis anos, "adotou" quatro porquinhos no zoológico Sriracha, perto de Bangcoc, na Tailândia. Ela cuida dos porquinhos como se fossem seus próprios filhotes.
A felina já cuidou de outros grupos de porquinhos desde os dois anos completos destes. "Os porquinhos são retirados da mãe deles e colocados em contato com a tigresa. Logo eles já pensam que Sai Mai é a mãe deles e começam a procurar por leite", explica o treinador do zoológico, Samit Krajangpoh.
A "mamãe" tigre, por exemplo, está acostumada com os porquinhos porque foi amamentada por uma porca até os quatro meses de idade.
O parque apresenta shows com os animais interagindo e, por este motivo, vestem os filhotes de porco com "roupinhas" de tigre.


Referência Científica

Na metade da década de 30, o etólogo alemão Konrad Lorenz popularizou o imprinting filial, o processo pelo qual um animal recém-nascido aprende a reconhecer as características únicas de um dos pais, geralmente da mãe. Esse fenômeno foi batizado de imprinting pelo mentor de Lorenz, Oskar Heinroth, que acreditava que o estímulo sensorial com que os animais recém-nascidos se deparavam ficava imediata e irreversivelmente “estampado” (em inglês, “imprinted”) em seus cérebros. Lorenz demonstrou a idéia com seus famosos gansinhos, que passaram as primeiras horas de suas vidas com ele e conseqüentemente o seguiam por toda a parte. Mesmo adultos, os gansos preferiam a companhia das pessoas à das aves.



Lilica e o pintinho

Parece fábula, mas não é. A cadela Lilica se apegou tanto ao mais novo membro da casa que o tem para si como seu filhote. E ela tem ciúmes, experimente chegar muito próximo do pintinho para você ver: seu latido forte e agudo vai incomodar o seu tímpano.

Cachorrinho Fera!

A exemplo de Tony Hawk, um dos grandes expoentes do skate de todos os tempos, este animalzinho mostra que é craque na modalidade vertical do esporte.

Pequenos levados

Este vídeo bem-humorado ilustra com precisão do que são capazes os gatos-domésticos. São 30 cm de altura por 50 cm de comprimento de pura agilidade.


terça-feira, setembro 02, 2008

Dachshund adota leitãozinho...

  Esta cadelinha amarronzada adotou um filhote rosado, de orelhas compridas e... porco?! O instinto maternal clamou mais alto e, pelo que podemos ver, a família está maior e feliz.


Conheça o "Pink", aglutinação de Pig e Tink, além de uma alusão à coloração do porquinho



Pink disputando uma das mamas de Tink.


Mamar é seu passatempo predileto.

Se mantém aquecido, encostado nos outros filhotes.


Super à vontade.

Tink tem um carinho especial por Pink. Repare no zelo.

Estão sempre juntos.

Tanto mimo cansa. Bons sonhos, Tink e Pink.

domingo, agosto 31, 2008

"Duelo Animal": Land Rover Defender 90 vs. Leão


Land Rover Defender 90


É o modelo mais tradicional da Land Rover. A primeira versão foi lançada em 1948, sendo aprimorada até hoje.
Projetado para trafegar nos piores caminhos, ou mesmo onde eles não estão delineados, o veículo é um utilitário que incorpora o que há de mais moderno em tecnologia de veículos 4x4. Pode ser encontrado nas versões SW, jipes com teto rígido de três ou cinco portas, e picapes, com cabine simples ou dupla. Construídos com carroceria totalmente em alumínio, têm menor peso, mais estabilidade e maior robustez. O sistema de tração 4x4 é permanente, com reduzida e bloqueio do diferencial central. Esses recursos e mais a suspensão com eixos rígidos e molas helicoidais, os tornam mais adequados para o trabalho duro em condiçõe extremas e para as grandes viagens.

Leão

Esses grandes felinos vivem em bandos de 5 a 40 indivíduos, sendo os únicos de hábitos gregários. Em um bando, há divisão de tarefas: as fêmeas são encarregadas da caça e do cuidado dos filhotes, enquanto o macho é responsável pela demarcação do território e pela defesa do grupo de animais maiores ou mais numerosos (como eventuais ataques de hienas, búfalos e elefantes).
São exímios caçadores de grandes herbívoros, como a zebra e o gnu, mas sabe-se que comem quase todos os animais terrestres africanos que pesem alguns poucos quilogramas. Como todos os felinos, têm excelente aceleração, mas pouco vigor. Por isso, usam tácticas de emboscada e de ação em grupo para capturar suas presas. Muitos leões desencadeiam o ataque a 30 m de distância da presa. Mesmo assim, muitos animais ainda conseguem escapar. Para sobreviver, um leão necessita ingerir, diariamente, cerca de 5 quilos de carne, no mínimo, mas caso tenha a oportunidade, consegue comer até 30 quilos de carne numa só refeição. Isto acontece porque nem sempre os leões são bem sucedidos, e, logo, sempre que o são, aproveitam toda a carne disponível para não precisarem voltar a caçar tão cedo.

Duelo Animal

Colocados frente a frente, ninguém duvidava de que a Land Rover Defender 90 iria levar a melhor, mas o rei dos animais utilizou parte do seu repertório de táticas de emboscada e garantiu quatro presas para pelo menos duas refeições. Veja a seqüência de fotos: